Comércio digital e sua tendência de crescimento

Mesmo diante da grave crise financeira que o Brasil enfrenta, a tendência é que o comércio digital cresça cada vez mais.

Por Guilherme Teres dia em sem categoria

Comércio digital e sua tendência de crescimento

Mesmo diante da grave crise financeira que o Brasil enfrenta, a tendência é que o comércio digital cresça cada vez mais. Esse é um negócio que está em ascensão e o vasto potencial da Internet tornou mais fácil para as empresas alcançarem um grupo maior de pessoas.

Se você abrir uma loja em certo lugar, seu público-alvo serão as pessoas das regiões próximas. Porém, para uma loja virtual não existem tais barreiras geográficas. As pessoas podem simplesmente acessar o site, comprar itens e o seu único trabalho será garantir que a mercadoria seja entregue no destino correto, dentro do prazo estipulado.

Segundo pesquisa da Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (Abcomm), aumentou a quantidade de lojas que começaram a vender produtos na internet. Assim, até o momento foi registrado um crescimento de 15,3%.

 

Por que o comércio digital está crescendo?

O comércio digital tem um enorme potencial e cresce em todo o mundo a uma taxa sem precedentes. Pessoas de todas as idades, como crianças, adolescentes ou idosos, gostam de fazer compras em diferentes lojas virtuais. Para muitas pessoas, comprar de forma online tem sido mais vantajoso em comparação com lojas físicas.

A razão é simples, é muito mais prático e cômodo comprar através da internet. Nos próximos anos, a previsão é que haja um grande crescimento nesse setor, como nunca antes visto. Quem tem uma loja virtual deve estar atento a todas as tendências atuais de comércio digital.

 

5 Motivos para o crescimento do comércio digital

1 – Como citamos anteriormente, o primeiro e principal motivo por trás do sucesso do comércio digital é seu alcance. Atualmente, com o poder da internet, você pode obter muito mais clientes do que conseguiria em uma loja física.

2 – O comércio digital é um negócio que reduz as barreiras geográficas. Com a internet, a distância não é mais problema porque o consumidor pode comprar o que quiser com um clique do mouse.

3 – As lojas virtuais estão abertas 24 horas por dia, durante 7 dias na semana e as pessoas podem comprar quando quiserem. Assim, não importa de onde o consumidor esteja acessando a loja virtual, ele pode realizar a compra em poucos minutos a qualquer hora do dia ou da noite.

4 – Atualmente, 50% do tráfego da web é gerado a partir de smartphones e tablets. Com o desenvolvimento de websites adaptáveis ​​para dispositivos móveis, a experiência de compra do cliente melhorou significativamente nos últimos anos, impulsionando as vendas.

5 – O comércio digital satisfez a necessidade do consumidor de comprar produtos altamente especializados e de nicho, que antes eram difíceis de serem adquiridos localmente. Sites que oferecem esse tipo de produto têm um espaço importante nas vendas online de hoje.

 

Vídeos de compras

A tendência nesse setor de mercado é o vídeo de compras. Isso porque os usuários se interessam mais em comprar produtos apresentados em vídeos. Essa é uma ótima ideia para manter os clientes engajados em sua loja virtual.
Se você deseja realmente abrir uma loja virtual deve seguir as últimas tendências do comércio digital para ter sucesso. Então, basta seguir os passos certos e você definitivamente terá um enorme sucesso em sua área de atuação.
Ao adicionar vídeos à sua loja virtual, os clientes terão uma ideia melhor sobre os produtos antes de comprá-los. É por isso que adicionar opções de vídeos ao seu site pode aumentar as vendas do seu comércio digital.

 

Loja física comparada com a Loja virtual

Quando comparada com uma loja física, as despesas envolvidas com as operações de uma loja virtual são bastante baixas. Quando você administra uma loja, você precisa alugar um lugar, contratar funcionários, comprar maquinário, pagar impostos, além de outros gastos com eletricidade, água, telefone, etc.

Abrindo uma loja virtual você fica livre desse problema e, portanto, pode reduzir consideravelmente suas despesas. E é justamente por essa razão que você pode se dar ao luxo de vender itens a uma taxa reduzida porque, muitas vezes, em uma loja física, os preços dos produtos são inflados para equilibrar os custos do negócio.

Portanto, não custa caro abrir uma loja virtual graças às plataformas de e-commerce disponíveis no mercado. O investimento é baixo, sendo que esse serviço facilita a abertura de uma loja online com todos os recursos necessários para realizar vendas.

Dessa forma, é possível ter um site atraente e otimizado para computadores e dispositivos móveis, bem como oferecer diversos tipos de pagamento. Assim, a função do dono da loja resume-se apenas em administrar a quantidade de produtos em estoque e a remessa dos itens.

Claro, muitos detalhes devem ser observados em todo esse processo. Além disso, várias questões devem ser trabalhadas. Mas, em suma, seu investimento inicial será pequeno, comparado a uma loja física.

 

Conclusão

De fato, o setor de comércio digital está crescendo em ritmo acelerado em todo o mundo. Novas tecnologias estão surgindo e é essencial atualizar seu negócio com as ferramentas atuais. Portanto, é importante prestar atenção nos recursos virtuais disponíveis para sua loja vender mais.
Dessa forma conseguirá alavancar seu negócio. As lojas virtuais, independente do segmento, aumentaram seu faturamento em 2018. Assim, quem apostar nesse modelo de negócio tem muitas chances de sucesso.

Deixe seu comentário aqui: